Para enviar uma Mensagem click na foto depois do Login. Será excluído, dependendo do seu perfil.

As Novidades do Site Oficial

Aquecimento Global: Vamos Entender

 clima
  Para compreendermos a atual controvérsia sobre o aquecimento global, precisamos entender algumas das forças assombrosas que tornam o nosso clima o que é. Consideremos alguns aspectos básicos.
1. O Sol: fonte de calor e luz
  A vida na Terra depende da imensa fornalha nuclear que chamamos de Sol. Milhões de vezes maior do que a Terra, o Sol fornece um suprimento constante de calor e luz. Se o Sol se tornasse mais fraco, nosso planeta ficaria envolto em gelo; mais forte, transformaria a Terra numa frigideira fumegante. Visto que a Terra orbita a uma distância de 149 milhões de quilômetros do Sol, ela recebe apenas metade de uma bilionésima parte da energia proveniente do Sol. No entanto, trata-se exatamente da quantidade adequada para produzir um clima favorável à vida.
2. A atmosfera: o cobertor da Terra
  O Sol não é o único fator que determina a temperatura da Terra; a atmosfera também desempenha um papel vital. A Terra e a Lua estão à mesma distância do Sol, de forma que ambas recebem proporcionalmente cerca da mesma quantidade de calor do Sol. Não obstante, embora a temperatura média da Terra seja de 15 graus Celsius, a Lua tem em média a gélida temperatura de 18 graus negativos. Por que a diferença? A Terra tem uma atmosfera, a Lua não.
  A atmosfera — a faixa de oxigênio, nitrogênio e outros gases que envolve a Terra — retém parte do calor do Sol, deixando escapar o restante. O processo é muitas vezes comparado a uma estufa. Uma estufa, como você provavelmente sabe, é uma estrutura com paredes e um telhado de vidro ou de plástico. A luz do Sol penetra facilmente e aquece seu interior. Ao mesmo tempo, o telhado e as paredes não permitem que o calor se dissipe rapidamente.
  De forma similar, a atmosfera permite que a luz do Sol passe através dela para aquecer a superfície da Terra. A Terra, por sua vez, manda a energia térmica de volta à atmosfera em forma de radiação infravermelha. Grande parte dessa radiação não vai diretamente ao espaço porque certos gases presentes na atmosfera a absorvem e a redirecionam de volta à Terra, aumentando o aquecimento da Terra. A esse processo de aquecimento dá-se o nome de efeito estufa. Se a atmosfera não retivesse o calor do Sol dessa forma, a Terra seria tão sem vida como a Lua.
3. Vapor de água: o principal gás do efeito estufa
  Noventa e nove por cento da atmosfera é composta por dois gases: o nitrogênio e o oxigênio. Embora eles desempenhem um papel vital em ciclos complexos que sustentam a vida na Terra, praticamente não exercem nenhuma influência direta em regular o clima. Essa tarefa cabe ao 1% restante da atmosfera, os gases do efeito estufa que retêm o calor e que incluem o vapor de água, o dióxido de carbono, o óxido nitroso, o metano, os clorofluorcarbonos e o ozônio.
  O gás mais crucial do efeito estufa — o vapor de água — geralmente não é considerado gás, pois costumamos pensar na água em sua forma líquida. No entanto, cada molécula de vapor de água presente na atmosfera está carregada de energia térmica. Por exemplo, quando o vapor presente na nuvem se resfria e condensa, há a liberação de calor, causando fortes correntes de convecção. O movimento dinâmico do vapor de água na atmosfera desempenha um papel vital e complexo em determinar o tempo e o clima.
4. Dióxido de carbono: essencial à vida
  O dióxido de carbono (ou gás carbônico) é o gás mais comentado em conversações sobre o aquecimento global. Mas não é justo condenar o dióxido de carbono como um simples poluente. O dióxido de carbono é um ingrediente vital na fotossíntese, processo pelo qual as plantas verdes fabricam nutrientes para si. Os humanos e os animais inspiram oxigênio e expiram o gás carbônico. As plantas inspiram o gás carbônico e liberam oxigênio. Trata-se, de fato, de uma das provisões do Criador que tornam possível a vida na Terra. No entanto, o aquecimento causado pela emissão de uma quantidade excessiva de gás carbônico na atmosfera seria comparável a jogar mais um cobertor na cama. Resultado: maior aquecimento.
Uma combinação complexa de forças
  O Sol e a atmosfera não são os únicos fatores que determinam o clima. Também estão envolvidos oceanos e calotas polares, os minerais de superfície e a vegetação, os ecossistemas da Terra, e um conjunto de processos biogeoquímicos, e os mecanismos de orbitação da Terra. O estudo do clima envolve quase todas as geociências.
1. Sol
2. Atmosfera
3. Vapor de água (H2O)
4. Dióxido de carbono (CO2)
[Nota(s) de rodapé]
Quase toda a vida na Terra deriva energia de fontes orgânicas, dependendo, assim, direta ou indiretamente, da luz do Sol. No entanto, existem organismos que vivem bem na escuridão do leito oceânico, retirando a energia de substâncias químicas inorgânicas. Em vez de usar a fotossíntese, esses organismos usam um processo chamado quimiossíntese.

Leia No Site Oficial: Estamos vivendo nos últimos dias?

1 Comentaram (Comente também):

  1. Hola, muy buenas tardes queridísimo seguidor de !DIARIO DE UNA CHICA POSITIVA! Quería agradecerte tu unión a mi Web hace ya casi 3 años, ya que fuiste uno de los primeros en seguir mi mundo. Darte la enhorabuena por tu interesante blog (que gracias al Google Chrome lo puedo entender, ya que no hablo portugués).

    Me gustaría invitarte a mi segunda Web especializada en el mundo de Lara Croft. Si te gusta la saga TOMB RAIDER (videojuegos, películas, modelos, cómics, wallpapers) o sí aún no conoces a la heroína cibernética más famosa del mundo, la primera protagonista femenina en el mundo de los videojuegos, la que rompió cánones, ¡este es tu blog! Aquí tienes el espacio que resolverá todas tus dudas, una web totalmente organizada y detallada, con las últimas noticias actualizadas:
    !El mundo de Lara Croft!
    http://tombraidermania.blogspot.com.es/

    Un gran abrazo desde Málaga.

    ResponderExcluir

Dependendo do conteúdo, seu comentário poderá ser excluído.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...