Este é um blog que incentiva a edificação através da leitura da bíblia, boa preparação das publicações, cânticos, experiencias e ajuda a direcionar o leitor ao site oficial, aceitamos somente comentários apreciativos e construtivos, visto que não somos um fórum de discussões. Este blog não representa e não é oficial das testemunhas de Jeová, e muito menos é apóstata, basta verificar seu conteúdo, é um blog de iniciativa pessoal, acesse: Nosso Site Oficial: www.jw.org

Leitura dos Salmos 119


(Salmos 119:1) 119 Felizes os sem defeito no [seu]  caminho,  Os que andam na lei de  Jeová. . .
Não ter defeito não significa perfeição, mas indica que nos esforçamos em fazer a vontade de Jeová Deus. Noé “mostrou-se sem defeito entre os seus contemporâneos”, sendo um homem que “andou com o verdadeiro Deus”. Esse patriarca fiel e sua família sobreviveram ao Dilúvio porque tiveram um modo de vida conforme os padrões de Jeová. (Gênesis 6:9; 1 Pedro 3:20) De modo similar, sobreviver ao fim deste mundo depende de ‘guardarmos cuidadosamente as ordens de Deus’, fazendo assim a vontade dele. — Salmo 119:4.    

(Salmos 119:9) 9 Como purificará um moço a sua vereda? Por estar vigilante segundo a tua palavra. . .
Podemos ser espiritualmente puros se formos vigilantes segundo a palavra de Deus. (Salmo 119:9-16) Isso se dá mesmo que os pais não tenham dado um bom exemplo. Embora seu pai tenha sido um idólatra, Ezequias ‘purificou a sua vereda’, possivelmente de influências pagãs. E se um jovem que serve a Deus hoje cometer um pecado grave? O arrependimento, a oração, a ajuda dos pais e o auxílio amoroso de anciãos cristãos podem ajudá-lo a ser como Ezequias e a ‘purificar a sua vereda e ser vigilante’. — Tiago 5:13-15.

(Salmos 119:15) 15 Vou ocupar-me com as tuas ordens E vou olhar para as tuas veredas. . .
O verbo hebraico traduzido “ocupar[-se]” significa também “meditar, ponderar”, “repassar algo na mente”. “É usado para a reflexão silenciosa sobre as obras de Deus  . . . e a palavra de Deus.” (Theological Wordbook of the Old Testament [Manual Teológico de Termos do Antigo Testamento]) A forma “ocupar-se”, refere-se à “meditação do salmista”, ao “seu amoroso estudo” da lei de Deus, como “ato de adoração”. Considerarmos o estudo da Palavra de Deus parte da nossa adoração dá-lhe mais seriedade. Por isso deve ser feito cuidadosamente e com o benefício da oração. O estudo faz parte da nossa adoração e é feito para melhorá-la.

(Salmos 119:23) 23 Até mesmo príncipes se assentaram; contra mim falaram um com o outro. Quanto ao teu servo, ele se ocupa com os teus regulamentos. . .
O Salmo 119 é de interesse neste respeito, porque alguns crêem que foi composto por Ezequias enquanto ainda era príncipe. Cercado por praticantes da religião falsa, Ezequias talvez se tivesse tornado alvo de escárnio entre os membros da corte real, a ponto de lhe ser difícil dormir. No entanto, ele se empenhava pela virtude. Com o tempo tornou-se rei e “fazia o que era direito aos olhos de Jeová . . . Foi em Jeová, o Deus de Israel, que ele confiou”. — 2 Reis 18:1-5.

(Salmos 119:32) 32 Correrei no próprio caminho dos teus mandamentos, Porque fazes espaço para meu coração.
Jeová é assim capaz de ajudá-lo também a abrir espaço em seu coração para alojar até mesmo o cônjuge não-cooperador. Saber que agrada a Deus, por guardar os mandamentos Dele, concede-lhe a paz interior.

(Salmos 119:37) 37 Faze meus olhos passar adiante de ver o que é fútil; Preserva-me vivo no teu próprio caminho. . .
Nunca devemos considerar desejável algo inútil que Deus odeia. (Salmo 97:10) Entre outras coisas, isso nos induz a evitar a pornografia e práticas espíritas. — 1 Coríntios 6:9, 10; Revelação (Apocalipse) 21:8.


(Salmos 119:46)  46 Vou também falar sobre as tuas advertências diante de reis E não ficarei envergonhado. . .
O estudo diligente da Palavra escrita de Deus nos habilita a ‘falar sobre as suas advertências diante de reis’. (Salmo 119:46) A oração e o espírito de Jeová também nos ajudarão a dizer as coisas certas de maneira adequada. (Mateus 10:16-20; Colossenses 4:6) Paulo falava corajosamente sobre as advertências de Deus aos governantes do primeiro século.

(Salmos 119:61) 61 Cercaram-me as próprias cordas dos iníquos. Não me esqueci da tua lei. . .
As advertências de Jeová nos ajudam a suportar perseguição, porque confiamos que nosso Pai celestial seja capaz de cortar as cordas de restrições com que os inimigos nos prendem. No tempo devido, ele nos livra desses obstáculos, para podermos realizar a pregação do Reino. — Marcos 13:10.

119:71  O que poderia haver de bom em sofrer aflição? As dificuldades podem nos ensinar a confiar mais em Jeová, a orar a ele com mais seriedade, e a ser mais diligentes em estudar a Bíblia e aplicar o que ela diz. Além disso, o modo como reagimos à aflição talvez revele falhas de personalidade que podem ser corrigidas. O sofrimento não nos deixará amargurados se permitirmos que ele nos refine.

            (Salmos 119:83) 83 Pois tornei-me como um odre na fumaça. Não me esqueci dos teus regulamentos.Nos tempos bíblicos, os odres eram recipientes feitos de couro de animal e usados para guardar água, vinho e outros líquidos. Quando não eram usados, eles podiam encolher se fossem pendurados perto do fogo num cômodo sem chaminé. Será que dificuldades ou perseguição fazem você sentir-se “como um odre na fumaça”? Nesse caso, confie em Jeová e ore: “Preserva-me vivo segundo a tua benevolência, para que eu guarde a advertência da tua boca.” — Salmo 119:88.

119:96  O que significa “o fim de toda a perfeição”? O salmista está falando da perfeição do ponto de vista humano. É provável que ele tivesse em mente que o conceito do homem sobre a perfeição é limitado. Em contraste com isso, os mandamentos de Deus não têm tal limite. Suas orientações se aplicam a todos os aspectos da vida. A Nova Versão Internacional diz: “Tenho constatado que toda perfeição tem limite, mas não há limite para o teu mandamento.”

(Salmos 119:105) 105 Lâmpada para o meu pé é a tua palavra E luz para a minha senda. . .
Uma lâmpada para o pé mostra os perigos logo à frente, ao passo que uma luz para a senda ilumina o caminho à distância. Ou seja, a Palavra de Deus pode nos orientar em segurança durante toda a vida, ajudando-nos a tomar decisões sábias e moralmente corretas sobre qualquer assunto — decisões que nos afetam agora e outras que podem nos afetar no futuro

(Salmos 119:113) 113 Tenho odiado os dúbios, Mas tenho amado a tua lei.
O coração literal tem de estar inteiro para funcionar normalmente, mas o coração figurativo pode estar dividido. Davi orou: “Unifica meu coração para temer o teu nome”, o que sugere que o coração da pessoa pode ficar dividido com respeito às suas afeições e aos seus temores. (Sal 86:11) Tais pessoas podem ter “corações divididos” — ser mornas na adoração de Deus. (Sal 119:113, BJ; Re 3:16)
119:164  O que de significativo em louvar a Deus “sete vezes por dia”? O número sete geralmente indica inteireza. Portanto, o salmista está declarando que Jeová merece todo o louvor.

(Salmos 119:141) 141 Sou insignificante e desprezível. Não me esqueci das tuas ordens. . .
Aparentemente, ele estava se referindo ao modo como seus inimigos o encaravam. Se mantivermos uma atitude intransigente a favor da justiça, talvez sejamos desprezados por isso. No entanto, o que realmente importa é que Jeová nos aprecia com favor porque vivemos segundo suas advertências justas

(Salmos 119:147) . . .47 Levantei-me cedo no crepúsculo matutino, a fim de clamar por ajuda. Esperei as tuas palavras. . .
Entre o pôr-do-sol e a própria escuridão há um curto período de crepúsculo vespertino, quando as estrelas se tornam visíveis. Os hebreus chamavam este período de né·shef, e, evidentemente, é a este período que se refere a expressão “entre as duas noitinhas”, encontrada em Êxodo 12:6. (Pr 7:9) De modo similar, no fim da escuridão da noite, há um crepúsculo matutino que leva à alvorada, e isto era expresso pela mesma palavra hebraica.
119:164  O que de significativo em louvar a Deus “sete vezes por dia”? O número sete geralmente indica inteireza. Portanto, o salmista está declarando que Jeová merece todo o louvor.

(Salmos 119:165) 165 Paz abundante pertence aos que amam a tua lei, E para eles não há pedra de tropeço.
Se pessoalmente amarmos e cumprirmos a lei de Jeová, não importa o que aconteça ou o que os outros façam — nada nos fará tropeçar espiritualmente.
                           

1 Comentaram (Comente também):

  1. acredito em meu deus todo poderoso e creio no senhor e tenho fe qque o senhor ira nos salvar

    ResponderExcluir

Dependendo do conteúdo, seu comentário poderá ser excluído.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...