Este é um blog que incentiva a edificação através da leitura da bíblia, boa preparação das publicações, cânticos, experiencias e ajuda a direcionar o leitor ao site oficial, aceitamos somente comentários apreciativos e construtivos, visto que não somos um fórum de discussões. Este blog não representa e não é oficial das testemunhas de Jeová, e muito menos é apóstata, basta verificar seu conteúdo, é um blog de iniciativa pessoal, acesse: Nosso Site Oficial: www.jw.org

O que é mansidão, e como ela nos ajuda a ter uma atitude positiva?



Mansidão significa temperamento brando. Ela nos habilita a suportar a injúria com paciência, sem irritação, ressentimento ou espírito de vingança. É uma qualidade difícil de cultivar. Curiosamente, certo texto bíblico incentiva os “mansos da terra” a ‘procurar a mansidão’. (Sof. 2:3) A mansidão se relaciona com humildade e modéstia, mas inclui outras qualidades, como bondade e brandura. Uma pessoa mansa cresce em sentido espiritual quando aceita instrução e se deixa moldar.
Como a mansidão nos ajuda a lidar com novas fases na nossa vida? Talvez tenha notado que muitos tendem a ver as mudanças numa luz negativa. Na realidade, as mudanças podem ser oportunidades para Jeová nos dar ainda mais treinamento. A vida de Moisés ilustra isso.
Aos 40 anos de idade, Moisés já tinha boas qualidades. Era sensível às necessidades do povo de Deus e tinha espírito de abnegação. (Heb. 11:24-26) No entanto, antes de Jeová o designar para liderar a saída de Israel do Egito, Moisés teve de enfrentar mudanças que refinaram sua mansidão. Foi obrigado a fugir do Egito e viver na terra de Midiã por 40 anos, trabalhando como pastor, sem nenhum destaque. Com que resultado? Essa mudança fez dele uma pessoa melhor. (Núm. 12:3) Aprendeu a colocar os interesses espirituais acima da vontade pessoal.
Como exemplo da mansidão de Moisés, vejamos o que aconteceu quando Jeová disse a ele que desejava rejeitar a desobediente nação de Israel e fazer dos descendentes de Moisés uma poderosa nação. (Núm. 14:11-20) Moisés intercedeu em favor de Israel. Suas palavras mostram que ele se preocupava com a reputação de Deus e o bem-estar de seus irmãos, não com seus próprios interesses. Para o papel de líder e mediador da nação era necessário uma pessoa mansa como Moisés. Miriã e Arão murmuraram contra ele, porém o registro bíblico diz que Moisés era “em muito o mais manso de todos os homens”. (Núm. 12:1-3, 9-15) Pelo visto, ele suportou com mansidão os insultos deles. O que teria acontecido se Moisés não fosse manso?
Em outra ocasião, o espírito de Jeová ‘pousou’ sobre certos homens, levando-os a profetizar. Josué, assistente de Moisés, achou que esses israelitas estavam agindo de modo impróprio. Moisés, porém, com mansidão via as coisas do ponto de vista de Jeová e sua preocupação não era perder a autoridade. (Núm. 11:26-29) Se Moisés não fosse manso, teria ele aceitado essa mudança no arranjo de Jeová?
A mansidão habilitou Moisés a usar bem a grande autoridade que recebeu e a cumprir o papel que Deus lhe designara. Jeová o convidou a subir ao monte Horebe e a representar o povo. Deus falou a Moisés por meio de um anjo e o designou mediador do pacto. Foi a mansidão de Moisés que o habilitou a aceitar essa grande mudança de autoridade e, ainda assim, permanecer no favor de Deus.
E quanto a nós? A mansidão é essencial para nosso desenvolvimento pessoal. Todos a quem se confiou privilégios e autoridade entre o povo de Deus precisam ser mansos. Isso evita agirmos com orgulho diante de mudanças e nos capacita a enfrentar as situações com atitude correta. A nossa reação é importante. Aceitaremos a mudança? Vamos encará-la como oportunidade para melhorar? Poderá ser uma oportunidade sem igual para cultivar a mansidão.
Sempre enfrentaremos mudanças na nossa vida. Às vezes não é fácil entender por que as coisas acontecem. Limitações pessoais e tensão emocional podem tornar difícil manter um enfoque espiritual. Mesmo assim, qualidades como humildade, modéstia e mansidão nos ajudarão a aceitar as mudanças e permanecer no favor de Deus.
*** w10 15/3 pp. 5-6 Permaneça no favor de Deus apesar de mudanças ***

1 Comentaram (Comente também):

  1. Gostaria de obter a fonte de pesquisa da reunião de serviço nesse bolg

    ResponderExcluir

Dependendo do conteúdo, seu comentário poderá ser excluído.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...