Este é um blog que incentiva a edificação através da leitura da bíblia, boa preparação das publicações, cânticos, experiencias e ajuda a direcionar o leitor ao site oficial, aceitamos somente comentários apreciativos e construtivos, visto que não somos um fórum de discussões. Este blog não representa e não é oficial das testemunhas de Jeová, e muito menos é apóstata, basta verificar seu conteúdo, é um blog de iniciativa pessoal, acesse: Nosso Site Oficial: www.jw.org

Destaque de Salmos 52 a 59

Clic aqui para ler Salmos 52 a 59

Mas eu serei qual oliveira frondosa na casa de Deus; Confio deveras na benevolência de Deus por tempo indefinido, para todo o sempre (Salmos 52:8)

Podemos ser "qual oliveira frondosa na casa de Deus", ou seja, achegados a Jeová e produtivos no seu serviço, por obedecê-lo e de bom grado aceitar sua disciplina. - Hebreus 12:5, 6. . Ele enfatizou que a oliveira é usada figurativamente na Bíblia como símbolo de produtividade, beleza e dignidade. ( Jeremias 11:16) Comparando os alunos a oliveiras, o orador disse: "Jeová lhes dará beleza e dignidade à medida que realizarem fielmente a obra de pregação do Reino em suas designações como missionários." Assim como a oliveira consegue sobreviver a um período de seca por causa de suas raízes extensas, os alunos também precisam fortificar suas raízes espirituais para que consigam perseverar diante de indiferença, oposição e outras provações que talvez encontrem no serviço missionário. - Mateus 13:21; Colossenses 2:6, 7.

O insensato disse no seu coração:"Não há Jeová."Agiram ruinosamente e agiram de modo detestável em injustiça; Não há quem faça o bem. (Salmos 53:1)

A insensatez mencionada nesse versículo não significa falta de inteligência. O resultante colapso moral descrito no Salmo 53:1-4 deixa claro que trata-se de alguém moralmente insensato.

Ó Deus, salva-me pelo teu nome, E que tu pleiteies a minha causa com a tua potência.(Salmos 54:1)

O nome divino não possui poderes místicos, mas pode representar o próprio Deus. Assim, mediante esse rogo, Davi reconhecia que Jeová é capaz de salvar Seu povo. (Êxodo 6:1-8) Embora os zifitas tivessem revelado ao Rei Saul o paradeiro de Davi, uma invasão dos filisteus em Israel interrompeu a perseguição de Saul contra Davi. (1 Samuel 23:13-29; Salmo 54, cabeçalho) Desse modo Jeová deveras salvou a Davi.

Meu próprio coração está em severas dores dentro de mim,E os horrores da própria morte caíram sobre mim.(Salmos 55:4)

Ele estava sob severa tensão emocional. "Meu próprio coração está em severas dores dentro de mim", escreveu, "e os horrores da própria morte caíram sobre mim". (Salmo 55:4) O que causou essa dor? O filho de Davi, Absalão, tramara usurpar-lhe o reino. (2 Samuel 15:1-6) A traição do próprio filho já era muito difícil de suportar, mas o que tornou as coisas ainda piores foi que o conselheiro em que Davi mais confiava, Aitofel, juntou-se à conspiração. É ele quem Davi descreve no Salmo 55:12-14. Em resultado da conspiração e da traição, Davi teve de fugir de Jerusalém. (2 Samuel 15:13, 14) Quanta angústia isso deve ter-lhe causado!

O dia em que eu ficar com medo, eu, da minha parte, confiarei em ti (Salmos 56:3)

Isto não quer dizer que Davi nunca sentiu medo. Ele certamente o sentiu. Mas, nunca temeu que Jeová o abandonasse completamente, deixando-o cambaleando. Davi escreveu sob inspiração: "Meus adversários hostis têm continuado a abocanhar-me o dia inteiro, porque são muitos os que guerreiam contra mim altivamente. O dia em que eu ficar com medo, eu, da minha parte, confiarei em ti. Em união com Deus louvarei a sua palavra. Tenho posto a minha confiança em Deus; não terei medo. Que me pode fazer a carne?" - Sal. 56:2-4.

Tu mesmo contaste que sou fugitivo.Põe deveras as minhas lágrimas no teu odre.Não estão no teu livro? (Salmos 56:8)

Como mostra essa comparação, Davi sabia que Jeová conhecia não só seu sofrimento, mas também o impacto emocional resultante. Jeová se apercebia da dor de Davi e se lembrava de todo o sofrimento emocional por trás de suas lágrimas. Realmente, nosso Criador está atento a todos os que se esforçam em fazer sua vontade, aqueles "cujo coração é pleno para com ele".

Mostra-me favor, ó Deus, mostra-me favor,Porque em ti se refugiou a minha alma;E na sombra das tuas asas me refugio até passarem as adversidades (Salmos 57:1)

Jeová será o nosso Refúgio se nós, com oração, buscarmos a ajuda dele. Quando somos afligidos por perseguição e outras adversidades, podemos suplicá-lo assim como fez o salmista Davi: "Mostra-me favor, ó Deus, mostra-me favor, porque em ti se refugiou a minha alma; e na sombra das tuas asas me refugio até passarem as adversidades." (Salmo 57:1) Nós, como mantenedores da integridade, podemos ter certeza de que, com o tempo, virá alívio da parte de Jeová, nosso Refúgio. E podemos ser tão confiantes como Davi

Prepararam uma rede para os meus passos;Minha alma ficou encurvada.Escavaram diante de mim um fojo;Caíram dentro dele. (Salmos 57:6)

Os inimigos de Davi haviam escavado um fojo diante dele. (Salmo 57:6) Tal cova para apanhar um humano denotaria circunstâncias perigosas ou intrigas que poriam em perigo os servos de Jeová. Mas, os opositores do povo de Deus podem ser apanhados em suas próprias artimanhas. Portanto, se confiarmos em Jeová e tomarmos cuidado, nosso livramento é garantido. - Provérbios 11:21; 26:27.

52:8. Podemos ser "qual oliveira frondosa na casa de Deus", ou seja, achegados a Jeová e produtivos no seu serviço, por obedecê-lo e de bom grado aceitar sua disciplina. - Hebreus 12:5, 6.

53:1 - Em que sentido a pessoa que nega a existência de Deus é 'insensata'? A insensatez mencionada nesse versículo não significa falta de inteligência. O resultante colapso moral descrito no Salmo 53:1-4 deixa claro que trata-se de alguém moralmente insensato.

55:4, 5, 12-14, 16-18. Davi sentiu muita dor emocional por causa da conspiração de seu filho Absalão e da traição de seu conselheiro de confiança, Aitofel. Mas isso não diminuiu sua confiança em Jeová. Não devemos permitir que o estresse emocional enfraqueça nossa confiança em Deus.

55:22. Como lançamos nosso fardo sobre Jeová? Fazemos isso por (1) orar a ele sobre o assunto que nos preocupa, (2) recorrer à sua Palavra e à sua organização em busca de orientação e apoio e (3) fazer o que estiver razoavelmente ao nosso alcance para aliviar a situação. - Provérbios 3:5, 6; 11:14; 15:22; Filipenses 4:6, 7.

56:8. Jeová se apercebe não apenas de nossa situação, mas também do impacto emocional que ela causa em nós.

58:3-5 - De que forma os maus são como uma serpente? As mentiras que eles falam sobre outros são como a peçonha, ou o veneno, de uma serpente. Envenenam a boa reputação de suas vítimas. "Como a naja que tapa o ouvido", as pessoas más não dão ouvidos à correção nem à orientação.

58:7 - Como os iníquos 'se dissolvem em águas que seguem seu caminho'? Talvez Davi estivesse pensando nas águas de certos vales de torrentes na Terra Prometida. Ao passo que uma cheia repentina aumentava os níveis de água nesses vales, essas águas rapidamente se escoavam e desapareciam. Davi orava para que os iníquos desaparecessem depressa.

Powered by Zoundry Raven

1 Comentaram (Comente também):

  1. O Salmo 56:8 diz que Jeová coloca nossas lagrimas no seu odre,por assim dizer ele não despercebe o nosso sofrimento, seria insensato dizer que Ele nos abandonou, simplismente não é verdade,Ele nos abençoa e no seu tempo nos socorrerá da calamidade.

    ResponderExcluir

Dependendo do conteúdo, seu comentário poderá ser excluído.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...