Para enviar uma Mensagem click na foto depois do Login. Será excluído, dependendo do seu perfil.

As Novidades do Site Oficial

Recapitulação da Escola do Ministério Teocrático (Semana 30 de Dezembro 2013)



Recapitulação da Escola do Ministério Teocrático

As seguintes perguntas serão consideradas na Escola do Ministério Teocrático na semana de 30 de dezembro de 2013. As datas em que cada ponto será considerado na reunião foram incluídas para facilitar a pesquisa durante sua preparação semanal para a escola.
1. O que nos ajudará a agir com brandura ao lidar com as autoridades seculares? (Tito 3:2) [4 de nov., w03 1/4 p. 25 §§ 18-19]
 (Tito 3:2) 2 que não ultrajem a ninguém, que não sejam beligerantes, que sejam razoáveis, exibindo toda a brandura para com todos os homens. 
*** w03 1/4 p. 25 pars. 18-19 Exiba “toda a brandura para com todos os homens” ***
18 Um campo em que muitos acham difícil de
monstrar brandura é quando lidam com autoridades seculares. Deve-se admitir que o modo de algumas autoridades agirem mostra dureza e falta de empatia. (Eclesiastes 4:1; 8:9) No entanto, nosso amor a Jeová nos ajudará a reconhecer sua autoridade suprema e a demonstrar a devida sujeição relativa às autoridades governamentais. (Romanos 13:1, 4; 1 Timóteo 2:1, 2) Mesmo quando autoridades de alto escalão procuram limitar a expressão pública da nossa adoração a Jeová, de bom grado procuramos os meios ainda disponíveis para oferecer nosso sacrifício de louvor. — Hebreus 13:15.
19 Em hipótese alguma recorremos à beligerância. Esforçamo-nos a ser razoáveis, ao passo que nunca violamos princípios justos. Desse modo nossos irmãos conseguem realizar seu ministério em 234 países, em todo o mundo. Acatamos o conselho de Paulo, de ‘estarmos sujeitos e sermos obedientes a governos e autoridades como governantes, de estarmos prontos para toda boa obra, de não ultrajarmos a ninguém, nem sermos beligerantes, e de sermos razoáveis, exibindo toda a brandura para com todos os homens’. — Tito 3:1, 2.
2. O que podemos aprender das palavras de Paulo a Filêmon registradas em Filêmon 4, 5 e 7? [4 de nov., w08 15/10 p. 31 §§ 2, 3; w92 15/4 p. 25 § 3]
 (Filêmon 4-7) 4 Sempre agradeço a meu Deus ao fazer menção de ti nas minhas orações, 5 pois continuo a ouvir [falar] do teu amor e da fé que tens para com o Senhor Jesus e para com todos os santos, 6 a fim de que entre em ação a partilha da tua fé por reconheceres toda boa coisa entre nós como relacionada com o Cristo. 7 Pois tive muita alegria e consolo com o teu amor, visto que as ternas afeições dos santos foram reanimadas por intermédio de ti, irmão.
*** w08 15/10 p. 31 Destaques das cartas a Tito, a Filêmon e aos hebreus ***
Filêmon foi elogiado por ser um exemplo de ‘amor e fé’. O fato de ele ter sido fonte de consolo para outros cristãos deu “muita alegria e consolo” a Paulo. — Filêm. 4, 5, 7.
Deixando um modelo para todos os superintendentes, Paulo lidou com a delicada situação de Onésimo dando, não uma ordem, mas sim uma exortação “à base do amor”. Ele disse a Filêmon: “Escrevo-te confiante no teu acatamento, sabendo que farás ainda mais do que as coisas que digo.” — Filêm. 8, 9, 21.
*** w92 15/4 p. 25 ‘Exorte à base do amor’ ***
A carta de Paulo ainda lembra os anciãos do valor do elogio e do tato. Ele começa reconhecendo que “as ternas afeições dos santos foram reanimadas por intermédio” de Filêmon. (Versículo 7) Este elogio sincero sem dúvida deixou Filêmon com disposição mais receptiva. Hoje, de maneira similar, conselhos ou advertências não raro podem ser abrandados com elogios sinceros e calorosos. E esses conselhos não devem ser rudes ou sem tato, mas generosamente ‘temperados com sal’, para que sejam mais aceitáveis para o ouvinte. — Colossenses 4:6.
3. Como podemos entrar no descanso de Deus? (Heb. 4:9-11) [11 de nov., wll 15/7 p. 28 §§ 16, 17]
 (Hebreus 4:9-11) 9 De modo que resta um descanso sabático para o povo de Deus. 10 Porque o homem que entrou no descanso [de Deus] descansou também das suas próprias obras, assim como Deus das suas. 11 Façamos, portanto, o máximo para entrar naquele descanso, para que ninguém caia no mesmo exemplo de desobediência. 
*** w11 15/7 p. 28 pars. 16-17 O descanso de Deus — de que se trata? ***
16 Poucos cristãos hoje insistiriam em seguir algum preceito da Lei mosaica a fim de ganhar a salvação. As palavras inspiradas de Paulo aos efésios são bem claras: “Por esta benignidade imerecida é que fostes salvos por intermédio da fé; e isto não se deve a vós, é dádiva de Deus. Não, não se deve a obras, a fim de que nenhum homem tenha base para jactância.” (Efé. 2:8, 9) Como, então, os cristãos podem entrar no descanso de Deus? Jeová reservou o sétimo dia — seu dia de descanso — para levar seu propósito com relação à Terra a um glorioso cumprimento. Podemos entrar, ou participar, no descanso de Jeová por trabalharmos obedientemente em harmonia com o seu propósito progressivo, ao passo que este nos é revelado por meio de sua organização.
17 Por outro lado, desconsiderar os conselhos bíblicos da classe do escravo fiel e discreto, preferindo seguir um proceder independente, significaria resistir ao desenrolar do propósito de Deus. Isso poria em risco a nossa relação pacífica com Jeová. No próximo artigo, veremos algumas situações comuns que podem afetar o povo de Deus. Também, como as nossas decisões — obedecer ou adotar um espírito independente — podem determinar se realmente entramos no descanso de Deus.
4. O que podemos aprender de Samuel e de outros juizes e profetas fiéis que puseram em execução a "justiça"? (Heb. 11:32, 33) [18 de nov., wll 1/1 p. 25 § 5-p. 26 § 1]
 (Hebreus 11:32, 33) 32 E que mais hei de dizer? Pois o tempo me faltaria se prosseguisse relatando sobre Gideão, Baraque, Sansão, Jefté, Davi, bem como Samuel e os [outros] profetas, 33 os quais, pela fé, derrotaram reinos, puseram em execução a justiça, obtiveram promessas, taparam as bocas de leões, 
*** w11 1/1 pp. 25-26 Ele perseverou apesar de desapontamentos ***
Muitos séculos mais tarde, o apóstolo Paulo alistou Samuel entre os juízes e profetas fiéis que “puseram em execução a justiça”. (Hebreus 11:32, 33) De fato, Samuel ajudou o povo a fazer o que era bom e correto aos olhos de Deus. Ele continuou sendo bem-sucedido porque esperava pacientemente em Jeová, fazendo seu trabalho de forma fiel, apesar dos desapontamentos. Ele também mostrou uma atitude apreciativa. Depois da vitória em Mispá, Samuel erigiu um monumento para que o povo se lembrasse de como Jeová os havia ajudado. — 1 Samuel 7:12.
Você também deseja ‘executar a justiça’? Em caso afirmativo, seria bom aprender da paciência de Samuel e de sua atitude humilde e apreciativa. Quem de nós não precisa dessas qualidades? Foi bom Samuel ter adquirido e mostrado essas qualidades quando era relativamente jovem, pois anos mais tarde ele teve de enfrentar desapontamentos piores.
5. Por que Tiago escreveu que "a sabedoria de cima é primeiramente casta, depois pacífica"? (Tia. 3:17) [25 de nov., wll 15/8 pp. 30-31 § 15]
 (Tiago 3:17) 17 Mas a sabedoria de cima é primeiramente casta, depois pacífica, razoável, pronta para obedecer, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, sem hipocrisia. 
*** w11 15/8 pp. 30-31 par. 15 Empenhe-se pela paz ***
15 Os cristãos são exortados a se empenhar pela paz. Mas a Bíblia também diz: “A sabedoria de cima é primeiramente casta, depois pacífica.” (Tia. 3:17) Ser pacífico não é mais importante do que ser casto, o que significa respeitar os sagrados padrões de moral de Deus e viver à altura de seus requisitos justos. Se um cristão souber de um pecado sério cometido por um irmão, ele deve incentivá-lo a confessar o erro aos anciãos. (1 Cor. 6:9, 10; Tia. 5:14-16) Se o transgressor não fizer isso, o cristão que soube do erro deve relatá-lo. Deixar de fazer isso, num mal-orientado esforço de manter a paz com o pecador, faz com que a pessoa se torne cúmplice do pecado. — Lev. 5:1; leia Provérbios 29:24.
6. Quem são os "mortos" a quem "se decla¬raram as boas novas"? (1 Ped. 4:6) [2 de dez., w08 15/11 p. 21 § 7]
 (1 Pedro 4:6) 6 De fato, com este objetivo se declararam as boas novas também aos mortos, para que fossem julgados quanto à carne, do ponto de vista dos homens, mas vivessem quanto ao espírito, do ponto de vista de Deus.
*** w08 15/11 p. 21 Destaques das cartas de Tiago e de Pedro ***
4:6 — Quem são os “mortos” a quem “se declararam as boas novas”? São os que estavam ‘mortos nas suas falhas e pecados’, ou espiritualmente mortos, antes de ouvirem as boas novas. (Efé. 2:1) Depois que depositaram fé nas boas novas, porém, passaram a ‘viver’ em sentido espiritual.
7. De acordo com 1 João 2:7, 8, o que é o mandamento que João chama tanto de "antigo" como de "novo"? [9 de dez., w08 15/12 p. 27 § 6]
 (1 João 2:7, 8) 7 Amados, escrevo-vos, não um novo mandamento, mas um mandamento antigo, que tendes tido desde [o] princípio. Este mandamento antigo é a palavra que ouvistes. 8 Novamente, escrevo-vos um novo mandamento, um fato que é veraz no seu caso e no vosso, porque a escuridão está passando e a verdadeira luz já está brilhando.
*** w08 15/12 p. 27 Destaques das cartas de João e de Judas ***
2:7, 8 — O que é o mandamento que João chama tanto de “antigo” como de “novo”? João se refere ao mandamento a respeito do abnegado amor fraternal. (João 13:34) Chama-o de “antigo” porque esse mandamento foi dado por Jesus mais de 60 anos antes de João ter escrito sua primeira carta inspirada. Assim, os que criam em Jesus tinham esse mandamento “desde o princípio” de sua vida como cristãos. É também “novo”, pois vai além de ‘amar ao próximo como a si mesmo’ e exige amor abnegado. — Lev. 19:18; João 15:12, 13.
8. A quem se referem os títulos "o Alfa e o ômega" e "o Primeiro e o Último"? (Rev. 1:8, 17) [16 de dez., w09 15/1 p. 30 § 6]
 (Revelação 1:8) 8 “Eu sou o Alfa e o Ômega”, diz Jeová Deus, “Aquele que é, e que era, e que vem, o Todo-poderoso”.
(Revelação 1:17) 17 E quando o vi, caí como que morto aos seus pés. E ele pôs a sua mão direita sobre mim e disse: “Não temas. Eu sou o Primeiro e o Último, 
*** w09 15/1 p. 30 Destaques do livro de Revelação — I ***
1:8, 17 — A quem se referem os títulos “o Alfa e o Ômega” e “o Primeiro e o Último”? O título “o Alfa e o Ômega” aplica-se a Jeová, enfatizando que não houve nenhum Deus todo-poderoso antes dele e que não haverá nenhum depois. Ele é “o princípio e o fim”. (Rev. 21:6; 22:13) Mesmo mencionando Jeová como “o primeiro e o último” em Revelação 22:13, indicando que não há ninguém antes ou depois dele, o contexto no primeiro capítulo de Revelação mostra que o título “o Primeiro e o Último” ali se aplica a Jesus Cristo. Ele foi o primeiro humano ressuscitado à vida espiritual imortal e o último ressuscitado assim por Jeová pessoalmente. — Col. 1:18.
9. De que duas maneiras os cristãos ungidos são 'selados'? (Rev. 7:3) [23 de dez., w07 1/1 p- 31 § 2]
 (Revelação 7:3) 3 dizendo: “Não façais dano nem à terra, nem ao mar, nem às árvores, até depois de termos selado os escravos de nosso Deus nas suas testas.”
*** w07 1/1 p. 31 Perguntas dos Leitores ***
No entanto, a selagem dos ungidos é composta de duas fases. A selagem inicial é diferente da final em (1) objetivo e (2) tempo. A primeira serve para selecionar um novo membro acrescentado ao número de cristãos ungidos. A selagem final serve para confirmar que essa pessoa escolhida e selada demonstrou de forma plena sua lealdade. Só então, na selagem final, o selo será permanentemente colocado ‘na testa’ do ungido, identificando-o de modo definitivo como um ‘escravo de nosso Deus’, provado e fiel. A selagem mencionada em Revelação capítulo 7 refere-se a fase final da selagem. — Revelação 7:3.
10. Por que podemos estar absolutamente certos de que as preditas bênçãos sob o governo do Reino se tornarão realida¬de, e como isso deve nos afetar? (Rev. 21:5, 6) [30 de dez., re p. 303 § 9]
 (Revelação 21:5-7) 5 E O que estava sentado no trono disse: “Eis que faço novas todas as coisas.” Ele diz também: “Escreve, porque estas palavras são fiéis e verdadeiras.” 6 E ele me disse: “Estão feitas! Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim. A todo aquele que tiver sede darei gratuitamente da fonte da água da vida. 7 Todo aquele que vencer herdará estas coisas, e eu serei o seu Deus e ele será o meu filho. 
*** re cap. 42 pp. 303-304 par. 9 Um novo céu e uma nova terra ***
9 É como se o próprio Jeová assinasse uma fiança, ou um título de propriedade, para a humanidade fiel, referente a essas bênçãos futuras. Quem se atreve a questionar tal Fiador? Ora, essas promessas de Jeová são tão certas, que ele fala como se já se tivessem cumprido: “Estão feitas!” Não é Jeová “o Alfa e o Ômega . . . , Aquele que é, e que era, e que vem, o Todo-poderoso”? (Revelação 1:8) De fato, ele o é! Ele mesmo declara: “Sou o primeiro e sou o último, e além de mim não há Deus.” (Isaías 44:6) Como tal, ele pode inspirar profecias e cumpri-las em todos os pormenores. Quanto isso fortalece a fé! De modo que ele promete: “Eis que faço novas todas as coisas”! Em vez de questionar se estas maravilhas realmente vão acontecer, certamente deveríamos perguntar-nos: ‘O que preciso eu mesmo fazer para herdar tais bênçãos?’

15 Comentaram (Comente também):

  1. O meu Wathtower não tá funcionando no PC. Então não dava pra fazer a Recapitulação. Esse blog foi uma benção. Só tenho a agradecer o irmão que deu de seu tempo para ajudar seus irmãos :-) (k) (o)

    ResponderExcluir
  2. muito obrigado irmão que jeová continue te abençoando

    ResponderExcluir
  3. Nao estava conseguindo achar a resposta referente a ultima pergunta da recapitulaçao. Graças a Jeova eu encontrei este blog! Muito obrigada, que Jeova continue te abençoando!

    ResponderExcluir
  4. Muito obrigada!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  5. obrigado por ter esse blog obrigadi a Jeová e a vc irmão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelo borges Tavares2 de janeiro de 2014 17:41

      Tbm axo otimo esse blog
      E tbm amo a jah d todo meu coracao

      Excluir
  6. Marcelo borges Tavares2 de janeiro de 2014 17:37

    Amo ah jah d todo o meu coraçao
    A recapitulaçao da escola eh mt boa

    ResponderExcluir
  7. Assembleia dia 04 de janeiro so JEOVA para nos fornecer um dia tao cheio de paz, muito obrigada a JEOVA e a todos da organizacao.foi mui bom estar presente.

    ResponderExcluir
  8. gostei muito deste site minha assembleia foi dia 04e05 muito bom

    ResponderExcluir
  9. Olá boa noite!!! Estou em viagem e preciso do ministério de janeiro. Alguém pode disponibilizar em pdf por favor?

    ResponderExcluir
  10. olá boa noite irmãos !!! gostei desse saite tenho feito pleno proveito dele obrigada

    ResponderExcluir

Dependendo do conteúdo, seu comentário poderá ser excluído.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...