Para enviar uma Mensagem click na foto depois do Login. Será excluído, dependendo do seu perfil.

As Novidades do Site Oficial

Recapitulação da Escola do Ministério Teocrático: Semana 28 de Abril


1- O que ajudou José a não cometer imoralidade com a esposa de Potifar? (Gên. 39: 7-12)
Resposta:
Visto que os patriarcas e suas famílias sem dúvida conversavam sobre como agradar a Jeová, não é de admirar que e o justo José rejeitasse a imoralidade sexual para não “pecar contra Deus”. Hoje, as famílias devem conversar abertamente sobre a moralidade cristã e sobre como ser fiel a Jeová.
2- Por que José é um bom exemplo para os que enfrentam injustiças ou outras dificuldades? (Gên. 41: 14, 39, 40)
Resposta:
Por uns 13 anos, José foi ou escravo ou prisioneiro por causa das injustiças que outros lhe causaram, inclusive membros da sua própria família. (Gên. 37:2; 41: 46) Mas, assim como no caso de José, Jeová pode mudar as circunstâncias para favorecer aqueles que o servem. Quando a situação e difícil, é sábio confiar em Jeová permanecer fiel a ele, não importa quanto tempo ela dure.
3- Como José percebeu que podia mostrar misericórdia a seus irmãos?
Resposta:
José escutou quando seus irmãos disseram que estavam arrependidos de tudo o que haviam feito a ele. Além disso, Judá se ofereceu como escravo em lugar de Benjamim, para que o rapaz pudesse ser devolvido ao pai. (Gên. 44: 33, 34) José percebeu que mostrar misericórdia poderia resultar na salvação de sua família inteira. (Gên.45:9-11)
4- Como a tribo de Benjamim cumpriu a profecia de Gênesis 49:27?
Resposta:
Na “manhã, isto é, no começo da história dos reis de Israel, estava entre os descendentes de Benjamim o valente guerreiro Saul, que se tornou o primeiro rei da nação. Na “noitinha” dessa história, quando a nação de Israel não tinha mais nenhum rei humano, foram Ester e Mordecai, ambos da tribo de Benjamim, que venceram a luta contra os inimigos de Jeová. Em certo sentido, eles também repartiram o despojo, visto que os muitos bens de Hamã ficaram para um deles.
5- O que êxodo 3: 7-10 nos ensina sobre Jeová?
Resposta:
Esses versículos mostram que Jeová é um Deus compassivo e atencioso. A expressão “eu bem sei” sugere sentimento, carinho e compaixão. Além disso, Jeová não apenas sente pena ou ouve com compaixão; ele se sente movido a agir. Podemos ter certeza que Jeová se importa profundamente conosco. Ele sabe das dores que sofremos’ e sem falta agirá em nosso favor. (1 Ped. 5:7)
6- Como Jeová agiu à altura do significado de seu nome na época de Moisés? (Êxo. 3: 14,15)
Resposta:
Jeová agiu à altura de seu nome por se tornar o Libertador de Israel. Ele puniu o Egito com dez pragas e provou que Faraó e os deuses egípcios eram incapazes de salvar. (Êxo. 12:12) Depois de conduzir Israel com segurança pelo mar vermelho, Jeová destruiu Faraó e seu exército. (Sal. 136:13-15) No deserto, Jeová protegeu e cuidou de milhões de israelitas,e até mesmo fez com que as roupas e sandálias deles não se gastassem. Nada pode impedir Jeová de cumprir sua palavra. (Deut. 29:5)
7- De acordo com êxodo 7:1, em que sentido Moisés foi feito “Deus para Faraó”?
Resposta:
Moisés recebeu autoridade e poder divinos sobre Faraó. Assim, não havia motivo para ter medo daquele rei. Os sinais milagrosos que Moisés realizou pelo poder de Jeová serviram como prova de que ele havia sido enviado por Deus.
8- Apesar de testemunharem o poder de Jeová ao livrarem do Egito, que atitude os israelitas logo demonstraram, e o que aprendemos disso? (Êxo. 14: 30,31)
Resposta:
Os israelitas se mostraram gratos no início, mas logo ficaram descontentes com sua situação e passaram a se queixar do maná. Até mesmo quiseram voltar ao Egito. (Núm. 11:5, 6;14:2-4) A lição é que nós devemos manter um conceito realista do passado, não permitindo que recordações de coisas aparentemente boas nos impeçam de ser gratos pelas bênçãos espirituais que temos hoje.
9- Por que a expressão “vos carregar sobre asas de águias” é apropriada para descrever o cuidado amoroso de Jeová pela jovem nação de Israel? (Êxo. 19:4)
Resposta:
Uma águia adulta protege seus filhotes contra o sol escaldante por abrir bem suas asas e fazer sombra. Fala-se de águias carregarem brevemente o filhote nas costas para que ele não se espatife nas primeiras tentativas de voo. Assim como Jeová protegeu a recém-formada nação de Israel durante sua jornada pelo deserto, ele também dará a mesma proteção amorosa para todos os que confiam nele. (Deut. 32:9-12)
10- Em que sentido Jeová traz “Punição pelo erro dos pais” sobre as gerações futuras? (Ê xô. 20: 5)
Resposta:

Normalmente, cada pessoa é julgada à base de sua própria conduta e atitude. Mas a idolatria da nação de Israel trouxe conseqüências sobre as gerações futuras. Até mesmo israelitas fiéis sentiram os efeitos disso, pois era difícil para eles manter a integridade por causa do clima de rebelião religiosa que os rodeava.


VISITE NOSSO SITE OFICIAL: WWW.JW.ORG

3 Comentaram (Comente também):

  1. Muitoo Obrigadoooo ! *---* faltava só dois para mim.

    ResponderExcluir
  2. Alguem me pode ajudar com a designação nº 3 para a semana de 17 Novembro sobre o Adorno ?

    ResponderExcluir

Dependendo do conteúdo, seu comentário poderá ser excluído.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...